HIV e exercício físico, pode?

Quem tem HIV pode fazer exercício físico? Se eu fizer exercício físico, consigo evitar a lipodistrofia? Meu sistema imunológico pode ficar mais forte se eu virar um esportista?

Eu me fiz perguntas como estas quando fui diagnosticado. Nunca fui o maior fã de esportes, mas minha psiquiatra me deu um ultimato por causa do meu transtorno bipolar “ou você volta a fazer exercícios físicos ou não vai se recuperar”, isso foi antes de ser diagnosticado.  Na época em que fui diagnosticado com HIV já estava nadando quatro vezes por semana e fazendo pilates de duas a três, sendo flertado pra começar academia pelo meu instrutor de natação.

hiv e exercício físico

Os maiores medos (pelo menos meus!) de um portador de HIV é ter efeitos como a lipodistrofia, dislipidemia ou a Síndrome de Wasting. Três possíveis efeitos de medicamentos antirretrovirais ou o vírus do HIV por um longo tempo no organismo que afetam a aparência, um deles é por perda de massa magra (wasting) tem também a temida lipodistrofia, que faz seu organismo concentrar gordura em lugares indesejáveis. Não vou entrar em detalhes, mas o ponto é: exercício físico reduz a chance de você sofrer de um deles.

HIV e exercício físico

Dúvidas que todo soropositivo tem relacionadas a exercício físico são sanadas na Cartilha tudo em cima. É uma cartilha que foi criada por uma doutoranda e uma professora de educação física da UERJ que decidiram se especializar no assunto. A cartilha cobre temas básicos como  “Existe diferença entre atividade física e exercício físico? Algum destes é mais ou menos indicado para o portador do vírus HIV?” até questões mais avançadas como “Reduzir a lipodistrofia com o exercício físico regular é possível?”

hiv e exercício físico

A cartilha deixa claro que HIV e exercício físico andam de mãos dadas. Além de uma explicação detalhada de todas as síndromes que assombram qualquer soropositivo, existem dicas de que tipo de exercício pode prevenir melhor cada caso.

Se você é soropositivo e está em dúvida se HIV e exercício físico vão te ajudar, essa cartilha é pra você.

Baixe a Cartilha Tudo em Cima!

Cartilha tudo em Cima no site da ABIA (Via Jovem Soropositivo)
Ilustrações: Liliana Ostrovsky (retiradas da cartilha)

Deixe sua opinião